Inclusão: menina de 4 anos com deficiência realiza sonho de ser bailarina

Essa linda história tem como protagonistas uma criança sonhadora, que faz piruetas com os desafios da vida e uma professora inclusiva que ama o que faz

O lugar de uma pessoa com deficiência é onde ela quiser – inclusive, na aula de balé. Essa frase rima com o sonho de uma menina de 4 anos, com nome de amor. Mabel Brito realizou o sonho de se tornar bailarina por meio de aulas inclusivas, oferecidas pelo Grupo de Dança Beth Libório, em Presidente Prudente, São Paulo.

Mabel, cujo nome significa “amável”, “amorosa”, é filha de Priscila Brito pela via da adoção. A mãe não conteve a emoção ao assistir a aula de ballet da filha e vê-la brilhando com sapatilhas nos pés e saia de tule. A menina nem sempre precisou de suporte. Porém, aos 2 meses de idade, sofreu agressões da genitora, que deixaram sequelas definitivas.

Leia mais: Número de mulheres que recorrem a FIV aumenta 44% após pandemia, diz relatório

“Devido às agressões, ela teve hidrocefalia. Mabel teve uma parada (cardíaca) de 15 minutos, fez uso de traqueostomia e sonda alimentar por 3 anos”, contou a mãe, em entrevista ao site Só Notícia Boa.

Em um vídeo publicado no Instagram, Priscila disse que “a vida já havia dito um ‘não’” à Mabel, mas muitos outros sims vieram por meio da inclusão e dedicação. A mãe se refere ainda a professora de dança da menina como alguém que ama muito o que faz.

Mabel descobriu a dança por meio de desenhos animados. Desde então, Priscila buscava por uma escola em que a filha pudesse praticar a modalidade. A garotinha, porém, teve a matrícula recusada por outros estabelecimentos por ser uma criança atípica (chama-se atípica uma criança com desenvolvimento físico ou neurológico fora do “esperado”).

Leia mais: Menino de 5 anos ajuda a salvar mãe que caiu em rio

Ao saber do sonho da amável Mabel, a proprietário do estúdio de dança, Beth Libório, ofereceu uma bolsa de estudos. A professora ofertou ainda toda assistência necessária para que a menina realizasse o sonho.

O sonho de Mabel, de 4 anos, era ser bailarina. Ela conseguiu!
Crédito: Instagram/Reprodução @mabel_britto

“Mabel entrou no ballet mostrando que uma cadeira de rodas não define seu esforço, mas o melhor de tudo foi (a atitude) das professoras, que tem muito amor e empatia por ela”, apontou Priscila, ao destacar que a dança abriu portas para a menina, que já sabe até onde pode ir.

Maternidade atípica

Priscila também é mãe por adoção do Miguel, o filho mais velho, que possui deficiência visual e Transtorno do Espectro Autista (TEA) e do Ravi, irmão biológico da Mabel. Em perfis nas redes sociais com o nome “Pais por Adoção“, ela e o pai das crianças compartilham o cotidiano dessa família atípica, que transborda amor e superação. Mabel tem ainda o seu próprio perfil, que conta com mais de 20 mil seguidores. Veja o vídeo da aula de ballet da Mabel:

 

 

Recentes

PMDF oferece equoterapia gratuitamente; Saiba como se inscrever

Vagas são distribuídas entre alunos de escolas públicas, dependentes...

Senado aprova o Dia Nacional de Prevenção ao Afogamento Infantil

O objetivo é destacar a importância de prevenir o...

Afogamento é a principal causa de mortes infantis. Saiba previnir

Ambientes aquaticos como mares, rios e piscinas não são...

Alunos da rede pública do DF participam palestra sobre responsabilidade ecológica

  O Brasil produz cerca de 80 milhões de toneladas...

Newsletter

Veja também...

PMDF oferece equoterapia gratuitamente; Saiba como se inscrever

Vagas são distribuídas entre alunos de escolas públicas, dependentes...

Um pedido emocionado de desculpas: “Helena, perdoe o papai”

Em casa, temos uma regra: se a Helena (7...

Canção ‘Baby Shark’ arrecada mais de R$ 110 milhões no YouTube

A canção infantil é a mais assistida na história...

Senado aprova o Dia Nacional de Prevenção ao Afogamento Infantil

O objetivo é destacar a importância de prevenir o...

Parece a história de uma mãe, mas é a minha história

Casei-me com uma ex-aluna de faculdade. A mais brilhante...

PMDF oferece equoterapia gratuitamente; Saiba como se inscrever

Vagas são distribuídas entre alunos de escolas públicas, dependentes de policiais e comunidade Os alunos do projeto de equoterapia e equitação do Regimento Montado da...

Senado aprova o Dia Nacional de Prevenção ao Afogamento Infantil

O objetivo é destacar a importância de prevenir o afogamento infantil.  De acordo com estatísticas, pelo menos 1.480 crianças são, anualmente, vítimas de afogamento. O...

Afogamento é a principal causa de mortes infantis. Saiba previnir

Ambientes aquaticos como mares, rios e piscinas não são as únicas zonas de perigo. É importante estar atento também aos objetos do cotidiano A época...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui